Facebook Ads: Anúncios ou Histórias Patrocinadas?

A publicidade no Facebook está ficando cada vez mais completa, mas também mais complexa. Se você está pensando em anunciar nessa rede social, é natural que fique confuso com a quantidade de hipóteses para promover sua marca.

Para que não se sinta totalmente desamparado nessa viagem, analisámos os dois principais tipos de Facebook Ads.

No final, só você pode decidir: anúncios ou histórias patrocinadas?

 

Tipos de Facebook Ads

 

Anúncios 

 

Esse tipo de publicidade reflete a “voz do negócio” e as semelhanças com a publicidade tradicional não são pura coincidência. Você pode personalizar a mensagem do anúncio e escolher o segmento alvo de sua campanha, quer sejam clientes potenciais ou seguidores atuais da Fan Page da marca.

 

Facebook Ads Anuncio

 

Tipos mais utilizados

 

  • Anúncio para Fan Page: esse é o tipo de anúncio mais utilizado para conquistar fãs e aumentar a notoriedade da página, e é apresentado ao lado direito da News Feed. O texto do anúncio está limitado a 90 caracteres, por isso o copy deve ser claro, criativo e incluir um call to action. A imagem é também um elemento importante: limitada a 100×72 px, deve captar a atenção do usuário, respeitando a regra dos 20% de texto.
  • Anúncio para Site Externo: ajuda a promover um site externo ao Facebook ou o seu conteúdo. Esse tipo de anúncio é apresentado ao seu público alvo à direita da News Feed. Também para este tipo de publicidade, o texto não deve ultrapassar os 90 caracteres e a imagem deve ser o mais cativante possível.
  • Anúncio para post da Fan Page: esse tipo de publicidade é indicado para aumentar a notoriedade da marca tanto junto de clientes potenciais, como dos usuários que já seguem a Fan Page da empresa. O anúncio poderá ser visualizado na News Feed dos usuários (onde são apresentados os primeiros 500 caracteres do post) ou junto dos outros tipos de anúncios, um pouco mais à direita.
  • Anúncio para Oferta: esse é um tipo de anúncio muito recente e é ideal para empresas que oferecem descontos ou cupões a seus clientes atuais ou potenciais através do Facebook. Ao escrever o texto do anúncio, tenha em atenção que apenas os primeiros 90 caracteres serão apresentados e que, por isso, é obrigatório ser criativo e objetivo em seu call to action.

 

Vantagens e Desvantagens

Dentro das limitações de estrutura impostas pela rede social, a criação deste tipo de Facebook Ads pode revelar-se muito criativa. Você pode escolher o título, a foto e o copy do anúncio, potenciando sua eficácia através de elementos visuais e textuais atrativos para seu público alvo.

No entanto, executar uma campanha de Facebook Ads baseada apenas nesse tipo de anúncio pode não ser a melhor decisão.

Se você está interessado em maximizar o ROI da campanha, será necessário criar várias versões do mesmo anúncio para averiguar qual tem uma melhor performance junto do público alvo. Você estará gastando tempo e dinheiro.

Adicionalmente, criar um bom copy, escolher uma imagem adequada e escrever um título genial exigem tempo.

Será que a empresa tem os recursos suficientes para este tipo de campanha?

 

Histórias Patrocinadas

 

Esse tipo de anúncio representa “a voz do amigo” e tem por base uma das mais eficazes formas de publicidade: o boca a boca.

Ao criar uma história patrocinada, o anunciante estará a promover as interações dos usuários com uma Página, uma aplicação ou um evento aos seus amigos.

 

Facebook Ads Histórias Patrocinadas

Tipos mais utilizados

  • Curtida da Fan Page: a história é criada quando um amigo curte uma página.
  • Curtida, comentário ou partilha de post: a história tem origem quando um amigo curte, comenta ou partilha um post da Fan Page.
  • Reclamar uma oferta: a história é gerada quando um amigo reclama a oferta de uma Fan Page.
  • Aplicativo: a história é criada quando um amigo utiliza um aplicativo.
  • Evento: a história é gerada se um amigo adere a um evento.
  • Site externo: a história tem origem na partilha de um link para um determinado site.

 

Vantagens e desvantagens

Ao contrário do que acontece nos anúncios standard, criar uma história patrocinada não permite a personalização do conteúdo do anúncio, uma vez que o mesmo é criado pelo usuário.

Não existe tempo investido na criação de um bom copy ou na escolha de uma imagem, não existe a necessidade de testar várias versões do mesmo anúncio…a verdade é que criar uma história patrocinada é muito mais simples e imediato do que o processo de gerar um bom anúncio standard.

A seu favor está também sua vertente social: é mais provável que um usuário preste atenção numa história sobre uma marca originada por um amigo, do que num anúncio criado por uma empresa totalmente desconhecida.

No entanto, essa caraterística pode também ser uma desvantagem.

A escolha do público alvo das histórias patrocinadas está limitada aos amigos dos usuários que interagem com a marca. Por isso, se você está interessado em aumentar o número de fãs de uma página com pouca notoriedade ou com um nível de engajamento alto, essa pode não ser a opção mais adequada.

 

Qual a sua escolha? Compartilhe connosco suas experiências com os Facebook Ads!